Portal SMCCARD | Acesse aqui

Notícias > Notícias do dia

Imagem

Advogado vai ao STF contra Eduardo Bolsonaro por compra de imóveis em dinheiro vivo

O advogado Ricardo Bretanha Schmidt protocolou, nesta quinta-feira (24), uma notícia-crime por lavagem de dinheiro contra o deputado Federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), o terceiro filho do presidente Jair Bolsonaro. A ação pede apuração dos fatos denunciados pela reportagem do jornal O Globo publicada na última quarta-feira (23).

O jornal afirmou que o parlamentear comprou dois imóveis na Zona Sul do Rio de Janeiro, entre os anos de 2011 e 2016, efetuando o pagamento do valor de R$ 150 mil em dinheiro vivo, parte do quantia total dos imóveis. Uma outra compra de imóvel em dinheiro vivo foi também realizada pela mãe do deputado, Rogéria Bolsonaro. Em 1995, quando ainda era casada com o atual presidente da República Jair Bolsonaro, Rogéria comprou um apartamento em Vila Isabel no valor de R$ 95 mil pagos em espécie.

senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), irmãos mais velhos do deputado Federal são investigados por realizarem esquema de rachadinhas em seus respectivos gabinetes. Flávio Bolsonaro efetuou também compra de duas salas comerciais com pagamento do valor de R$ 86,7 em dinheiro vivo, assim como o irmão mais novo e sua mãe.

A compra de valores elevados em dinheiro vivo levantam suspeitas sobre a prática de lavagem de dinheiro por ser uma movimentação financeira que não deixa rastros, dessa forma, a real origem do dinheiro permanece oculta.

Fonte: Congresso em Foco

Categorias:

Comente esta notícia

Desenvolvido por Agência Confraria