100 anos de luta - Histórias dos Metalúrgicos da Grande Curitiba

Notícias > Auxilio Emergencial, Covid-19, Defesa dos empregos, Vacina

Imagem

CENTRAIS SINDICAIS CONVOCAM POPULAÇÃO PARA  ISOLAMENTO SOCIAL TOTAL EM DEFESA DA VIDA  NESTE DIA 24 DE MARÇO 

EM RESPEITO ÀS VÍTIMAS DO COVID-19, EM DEFESA DA VIDA E POR  VACINA JÁ PARA TODOS E TODAS, PELO AUXÍLIO EMERGENCIAL DE R$ 600, EM DEFESA DO EMPREGO


AS CENTRAIS SINDICAIS CONVOCAM TODAS AS PESSOAS PARA FAZER UM ISOLAMENTO SOCIAL TOTAL  NO DIA 24 DE MARÇO EM RESPEITO ÀS VÍTIMAS DO COVID e para pressionar o governo a acordar e acelerar as medidas de contenção do Covid-19 para que o país volte logo a normalidade e possa se concentrar na retomada econômica. Chega de disputa política. É hora de união para vencermos a crise sanitária e financeira. RESPEITEMOS AS QUASE 300 MIL VÍTIMAS DESSA DOENÇA MALDITA. Nesse dia 24 fique em casa para exigir vacina já para todos e todas, auxílio emergencial de R$ 600 e plano nacional de empregos. Chega de lesmice. Acorda, Bolsonaro.  

O QUE QUEREMOS! PELO QUE  LUTAMOS:   

- DEFESA DA VIDA - VACINA JÁ PARA TODOS E TODAS  
É fato que quanto mais rápido acontecer a vacinação, mais rápido o país volta a normalidade e a retomada econômica. Mesmo com o vacilo do governo em não firmar os acordos necessários para garantir a vacina quando teve a oportunidade, é preciso que agora ele acorde e corra atrás para estancarmos a sangria de que tem ceifado a vida dos brasileiros e paralisado a economia. 

- AUXÍLIO EMERGENCIAL DE R$ 600 
Quando a pandemia começou, as Centrais Sindicais foram as primeiras a lutar pelo auxílio emergencial. O governo queria da só R$ 200, lutamos no Congresso por R$ 500. O governo, para não ficar mal na fita, estabeleceu R$ 600, o que foi ótimo. Agora, o governo vacila novamente e quer conceder auxilio num valor médio  de R$ 250 apenas bem na hora em que o custo de vida não para de subir. Nossa luta é para que seja mantido o auxílio de R$ 600. Dinheiro tem. Recentemente, na eleição dos presidentes do Congresso, o governo liberou R$ 3 bilhões para os deputados votarem nos seus candidatos. SE TEM PARA OS DEPUTADOS, TEM QUE TER PARA O POVO TAMBÉM.   R$ 600 JÁ

-POLÍTICA NACIONAL DE EMPREGO 
É mais que urgente que o governo saia do torpor e apresente um plano nacional de criação\manutenção de empregos para conseguirmos sair da crise o quanto antes. Conceder auxílio para as pequenas e médias empresas, dilação de prazos para recolhimento de impostos,  aumentar o investimento em obras públicas, estabelecer convênios e cursos rápidos de qualificação, enfim, existem inúmeras iniciativas que podem ser colocadas já em prática. O governo tem que largar mão da cartilha neoliberal que  vê investimento como gasto.  Vejamos o exemplo dos Estados Unidos que aprovou recentemente um pacote de R$ 1,9 trilhão para injetar na economia. Acorda Bolsonaro. 


 

Comente esta notícia

código captcha
Desenvolvido por Agência Confraria

O Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba (SMC) utiliza alguns cookies de terceiros e está em conformidade com a LGPD (Lei nº 13.709/2018).

CLIQUE AQUI e saiba mais sobre o tratamento de dados feito pelo SMC. Nessa página, você tem acesso às atualizações sobre proteção de dados no âmbito do SMC bem como às íntegras de nossa Política de Privacidade e de nossa Política de Cookies.