Acesse aqui | Portal de combate ao Covid19

Notícias

Imagem

Proposta de PDV é aprovada por trabalhadores da Volvo

(Foto: Arquivo SMC) A maioria dos metalúrgicos da Volvo, na Cidade Industrial de Curitiba(CIC) aprovou em votação online realizada pelo Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba (SMC), a proposta do Plano de Demissão Voluntária (PDV).

Os votos foram registrados através da ferramenta “votasmc” entre às 13h desta quinta (25) e 14h desta sexta(26) e divulgados no canal do youtube do SMC (youtube.com/metaltvsmc). 

Do total de 2699, 12 (0,44%) votos foram nulos, 17 (0,62%) em branco,164 (6,07%) contra e 2506 (92,84%) a favor da proposta negociada entre Sindicato e montadora, devido aos reflexos da pandemia Covid-19 no volume de produção.

Com a proposta aprovada o prazo de adesão ao PDV vai até o próximo dia 3 de julho.

As indenizações variam conforme tempo de casa e contemplam a soma da indenização do PDV com a da MP 936 do governo federal.

Confira a tabela abaixo
(*Ind: Indenização – adic: adicional – sal: salários)

                Ind    IndAdic
(Anos)    PDV   MP936   Total 
0 a 4:     1,5 sal.    2 sal.      3,5 sal.
5 a 9:     2,0 sal.    2 sal.      4,0 sal.         
10 a 14: 2,5 sal.    2 sal.      4,5 sal. 
15 a 19: 3,5 sal.    2 sal.      5,5 sal.
+20:      4,0 sal.    2 sal.      6,0 sal.

Indenização adicional para aposentados
Tempo de casa – Indenização total  
   5 a 10 anos    -      3 salários
  +10 anos     -      5 salários

Além das indenizações o PDV engloba também:
- Extensão do vale-mercado e plano hospitalar emergencial até dezembro deste ano
- Antecipação da parcela da PLR de dezembro para setembro
- Demais verbas legais: aviso prévio, férias indenizadas/proporcionais; 13 salário proporcional, liberação do FGTS e multa de 40% em relação ao FGTS
- Isenção de imposto de renda para as indenizações 

Situação atual
No momento a Volvo está com 1070 trabalhadores com contratos de trabalho suspensos (de 1º de maio até dia 30 de junho). Cerca de 1500 estão na linha de produção com redução de jornada, (de 1 º de maio até 31 de julho) e 90% do administrativo está em home office. Este acordo foi negociado entre SMC e montadora em abril com o objetivo de evitar aglomerações devido a pandemia do coronavírus.

Comente esta notícia

Desenvolvido por Agência Confraria