Carteira Verde Amarela: Eu digo não. É desemprego! Eu digo não. É fim dos direitos! Eu digo não. É precarização! Eu digo não.

Palavra do Presidente

ESSE É O FUTURO!! AGORA VOCÊ DECIDE SE ESTÁ JUNTO OU NÃO!!

Sérgio Butka - Presidente

Já na linha da proposta das centrais, a diretoria dos Metalúrgicos da Grande Curitiba na noite desta segunda-feira (4) definiu que a proposta do SindiMetal será encaminhada para apreciação dos trabalhadores que serão beneficiados pelo acordo através de votação direta e por escrutínio secreto empresa por empresa. Nas 133 empresas que ainda estão sem acordo, os quase 15 mil trabalhadores deverão definir se querem ser representados pelo acordo ou não, usufruindo dos benefícios deste como reajuste salarial, horas extras, Piso salarial e demais cláusulas.

O objetivo é dar ao trabalhador a opção de escolher se quer ou não ser representado! Se escolher pelo não e não votar, ele estará automaticamente se excluindo do acordo, deixando assim que a empresa defina seu futuro, oferecendo a ele ou não os benefícios.

É certo que a PLURARILIDADE SINDICAL fará com que o trabalhador tenha mais liberdade, mas também fará com que ele possa ficar sem as garantias da CCT! Neste novo modelo, quem escolher ser representado terá os benefícios, mas também terá as obrigações do mesmo, que é a Contribuição Negocial! As conversas já estão adiantadas entre as centrais e patronais e, para não ficar de fora, os trabalhadores terão de fazer sua adesão ou não serão mais beneficiados pelos acordos! Agora você decide: Quer ficar dentro ou fora do acordo?!

Sérgio Butka
Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba, da Federação dos Metalúrgicos do Paraná (Fetim) e da Força Sindical do Paraná.
Desenvolvido por Agência Confraria