100 anos de luta - Histórias dos Metalúrgicos da Grande Curitiba

Notícias > Notícias do dia

Imagem

Crise econômica prejudica negociações salariais

No ano, o percentual de reajustes abaixo da inflação segue muito próximo de 50%. Resultados iguais ao índice inflacionário são observados em praticamente 1/3 do total analisado; e acima, em quase 17% dos casos.

O parcelamento dos reajustes em duas ou mais vezes cresceu signi?cativamente em 2021. No ano, considerando o painel de 12.334 reajustes analisados, 10,5% foram pagos de forma parcelada.

Em 2018, 2019 e 2020, o parcelamento ?cou abaixo dos 3% do total de cada ano. O fenômeno pode estar associado ao crescimento da inflação que vem repercutindo negativamente sobre a negociação coletiva.

A in?ação segue nas alturas. Segundo o INPC-IBGE, os preços tiveram aumento médio de 1,16% em outubro e acumulam alta de 11,08% em 12 meses, percentual que equivale ao reajuste necessário para a recomposição salarial das negociações com data-base em novembro.

Leia aqui o estudo completo: Reajustes salariais em outubro de 2021

Fonte: Dieese

Categorias:

Comente esta notícia

código captcha
Desenvolvido por Agência Confraria

O Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba (SMC) utiliza alguns cookies de terceiros e está em conformidade com a LGPD (Lei nº 13.709/2018).

CLIQUE AQUI e saiba mais sobre o tratamento de dados feito pelo SMC. Nessa página, você tem acesso às atualizações sobre proteção de dados no âmbito do SMC bem como às íntegras de nossa Política de Privacidade e de nossa Política de Cookies.